6 meses de Holanda!!

Já são 6 meses de Holanda.

E quando eu penso que cheguei aqui com só duas malas e comparo com o que conquistei hoje eu penso: CARAMBA!
Cheguei com muito medo. O meu maior medo era a solidão.

As primeiras semanas foram sim, muito solitárias. Principalmente porque não tinhamos casa e por mais que eu tentasse passar o dia desbravando Rotterdam, voltava
pro quarto de hotel no meio da tarde (porque pra mim foi bem chato fazer turismo sozinha por 8hs/dia!!) e era eu a internet, e a televisão em dutch, esperando o Gui chegar.
Nesse pouco tempo aprendi a ver Rotterdam como minha nova cidade e me integrar com ela.
A busca por apartamento ocupou essa solidão inicial. Achar o nosso cantinho foi mais facil do que eu imaginava.
Mas depois de desarrumar as malas, arrumar toda a cozinha e fazer o primeiro mercado, senti um novo vazio. E aí vieram os piores dias: a busca por emprego aqui na Holanda.
Foi difícil e a sensação de desespero me preencheu. O que eu ia fazer da minha vida? Eu buscava emprego em logística e pensava: essa é a minha chance de mudar de carreira, de fazer outra coisa que não seja trabalhar com isso num escritório.. mas como? Senti que não era o momento. Mudar de país e de carreira ao mesmo tempo não.
Algumas entrevistas depois, varios bailes com horario de trem, distancias, mapas etc, consegui um emprego.
E aí voltei a sorrir. Me descobri forte, corajosa, guerreira. Afinal, acordar 6:20, andar 47 minutos de trem, 15 de bike (com vento, com frio), trazer meu proprio almoço, trabalhar o dia inteiro em ingles, aprender sistemas, processos, siglas em ingles… interagir, conhecer novas pessoas, uma nova empresa foi desafiador, mas ao longo de um tempo vi que passar por esse processo foi uma vitória.
Depois de 3 e meses e meio de empresa, sinto que tenho propriedade da minha vida, da minha rotina, que as vezes enche o saco de tao rotina, tao certinha e daí eu quero chutar o balde.

Aprendi que a casa nao se limpa sozinha. Aprendi que mesmo que todo mundo fale ingles é bom aprender a lingua deles, afinal, nao sou mais turista. Aprendi que a Europa é muito pequena, tudo é perto e ao mesmo tempo é enorme: infinitos lugares pra conhecer. Aprendi que existe um mundo de igualdade social e que a diferença social é o mal de uma sociedade que gera todos os outros males. Aprendi a empacotar minhas compras no mercado com eficiencia militar e nunca esquecer de levar minha própria sacola. Aprendi a me conhecer melhor: as reaçoes fisicas e emocionais do meu corpo face a varias situaçoes. Aprendi a conviver com meu marido 24/dias sem interação social, somos nós, o tempo todo juntos, sem interrupçoes. Aprendi a lidar com a saudade. Aprendi a ser minha melhor amiga. Aprendi a usar cosmeticos e comer frutas.

E aprendi, acima de tudo, que todo dia tenho uma nova lição e que tenho muito aprender.

11 thoughts on “6 meses de Holanda!!

  1. Por essas e outras morro de orgulho de vc! É fato que só quando somos realmente colocados em uma situação de pressão extrema ou de alta carga emocional (como uma grande mudança dessas) é que conseguimos ter noção do que existe dentro de nós… Da força, da vontade de que tudo dê certo e de como é possível fazer acontecer mesmo longe de “tudo e todos”. Parabéns! BMLAT.

  2. Isa!! Que texto lindo!! Parabéns pela superação nos primeiros seis meses, e que muitas coisas boas aconteçam nos próximos!! Beijos!

  3. Acompanho de perto e tenho certeza que vc aprendeu muuuuuuito mais do que isso… Coisas impossiveis de mensurar!! Parabéns pela garra, disciplina e coragem!!!
    Beijo
    P.

  4. Ahh Isa …
    Seu post me emocionou tanto!
    Parabéns pelas conquistas e aprendizados diários, porque sei que aqui você representa muito bem o nosso país, a mulher brasileira …. muito orgulho de você, pois ver um brasileiro conquistando coisas tão longe das raizes e provando que somos capazes também, me faz sentir parte da conquista porque afinal sou brasileira😉

    Adorei a parte do mercado … sempre que chego ao caixa me da um desespero… é uma pressão, ai meu Deus! Guardar, pagar, receber o troco e no max 2 min sair … coisa de quartel mesmo.

    Bjo grande😉

    • Tati!! E quando a gente tem mil itens pra empacotar e a mocinha do caixa fica olhando de braço cruzado e nem ajuda?? hahahaha Acho muito engraçado!!! Fico feliz que o post emocionou! Obrigada pelos comentarios fofos, me servem de muito incentivo!!!! Um beijao

  5. Oi td bem??
    Se vc pudesse gostaria mto de um contato seu para conversarmos. Estou indo passar uma temporada na Holanda com meu noivo que irá fazer doutourado sanduíche, mas estou com muito medo de não arrumar nada por aí e ficar totalmente parada… Se puder por favor me manda um email para conversamos! Muito legal o seu blog! Beijos

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s