Orange is th New Black

“I know how easy it is to convince yourself that you are something that you are not… Keep yourself so busy that you don’t have to face who you really are. I am scared that I’m not myself in here and I’m scared that I am. It’s coming face to face with who you really are. The truth catchs up with you in here and it’s the truth that’s gonna make you a bitch” Orange is the New Black

Muitas coisas tem mexido muito comigo ultimamente. Ando vendo tudo com outros olhos, mais críticos e curiosos. A frase acima é da personagem Piper de “Orange is the New Black” e ela tem tudo a ver com o meu momento atual. A diferença entre nós duas é que ela está na prisão e eu na Holanda, um dos países mais livres do mundo. E o que nos faz tão parecidas?
Quando eu morava no Brasil, tinha uma vida extremanete confortável, eu diria. Meu trabalho era perto de casa, eu tinha alguem que me ajudava semanalmente com afazeres domésticos, vivia ocupada com ensaios de ballet, compromissos sociais e fofocas sem maldade e a unha por fazer toda a semana. O colo da mãe estava sempre disponível. Morar na Holanda parecia que seria a continuação desse conto de fadas… Só que não. Por um tempo, transportei minha atenção e ocupação a viagens, fotos, compras, academia, aparência… meu novo mundo onde tudo era novo e atraente. Mas, de repente, nada disso fez mais sentido e toda a minha zona de conforto estava do outro lado do oceano. Tudo e todos que eu amo estavam longe. Nada mais preencheu. E eu me senti então vazia e com medo…. Porque chegou o momento em que tive que ficar cara a cara comigo mesma, com quem eu realmente sou… Revendo valores de uma vida inteira, do meu passado, da minha criação, família, amizades, conceitos de futuro, trabalho e felicidade. A verdade bateu à porta do meu coração e o fez tremer como nunca. E não há nada mais revelador do que conhecer uma outra versão de você mesma, ou melhor, quem você é de verdade, a quem você precisa conhecer, reconhecer e então amar. Tive a sorte de passar por tudo isso com a ajuda de duas pessoas que eu amo: Deus e meu marido, que em momento algum passaram a mão na minha cabeça mas sim abriram meu olhos pra essa nova fase de forma gentil e amável. E com certeza, eu e Piper sairemos dessa transformadas e renovadas e muito mais fortes, maduras e preparadas.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s